CEAPortlet

Centro de Educação Ambiental

Avarias

Avarias

gestprocessosonline.JPG

GestProcessos Online

 

Atendimento on-line

Atendimento Online

O Concurso B.I.T. (Bicicletas Incrivelmente Transformadas) consiste num desafio e num convite à criatividade, numa perspectiva de sensibilizar a população para os benefícios do uso da bicicleta, quer em termos de saúde, quer em termos ambientais. É uma perspectiva onde a bicicleta poderá ser, também, um conceito de arte, seguindo uma lógica inovadora e original. Assim, com este concurso, pretende-se colocar este meio de transporte e de lazer no centro das atenções. Neste sentido, convida-se todos os participantes a transformarem uma velha bicicleta num veículo divertido e original.

 
 
Âmbito
O Concurso B.I.T. (Bicicletas Incrivelmente Transformadas) é uma iniciativa promovida pela Casa da Juventude, que se insere no programa do 10º Encontro Luso-galaico de BTT. Trata-se de um desafio e um convite à criatividade, numa perspectiva de sensibilizar a população para os benefícios do uso da bicicleta, quer em termos de saúde, quer em termos ambientais. É uma perspectiva onde a bicicleta poderá ser, também, um conceito de arte, seguindo uma lógica inovadora e original. Assim, com este concurso, pretende-se colocar este meio de transporte e de lazer no centro das atenções. Convida-se, desta forma, todos os participantes a transformarem uma velha bicicleta num veículo divertido e original e a participarem no concurso e no desfile que marcará o encerramento do programa do 10º Encontro Luso-galaico de BTT. Este concurso só se realizará se houver um número mínimo de 10 projectos a concurso. 

Condições de Participação
Qualquer entidade/pessoa poderá transformar uma bicicleta e apresentar o seu projecto ao concurso B.I.T. Não serão aceites projectos que utilizem outro tipo de motorização, para além do acto de pedalar. Para além disso, um projecto B.I.T. poderá ser aquilo que o participante quiser, não há limites para uma Bicicleta Incrivelmente Transformada. Dê asas à sua imaginação e desafie um grupo de amigos a transformar uma velha bicicleta que tenha lá por casa numa Bicicleta Incrivelmente Transformada e venha participar nesta aventura. 

Critérios de Avaliação
Um Júri avaliará o projecto de acordo com os seguintes itens: 
• Criatividade e Inovação; 
• Funcionalidade; 
• Mensagem subjacente ao projecto 

Inscrições / Calendarização
As candidaturas poderão ser feitas até 13 de Abril. Poderão inscrever o seu projecto através do site www.cm-esposende.pt/lusogalaico ou directamente na Casa da Juventude, em Esposende. Os projectos a concurso ficarão expostos nos dias 21 e 22 de Abril. No dia 22 de Abril, pelas 17h30, um passeio desfile, pelas ruas da cidade de Esposende, encerrará o programa do Encontro Luso-galaico de BTT. 

Prémios
1º Prémio – 150,00 €; 
2º Prémio – 100,00 €; 
3º Prémio – 50,00 €.
 
Aceda a http://www.cm-esposende.pt/lusogalaico/ para saber mais.

 

Integrada no Plano de Actividades 2011/2012, o Centro de Educação Ambiental promoveu no passado sábado, dia 28 de Janeiro, a Oficina “Use e Re-Use: Reutilização de materiais na decoração”. 

Esta acção teve como principal objectivo dar a conhecer métodos e formas criativas de reaproveitamento de materiais e de resíduos na área da decoração de interiores, adaptando-os a novas funcionalidades. 

Tendo em consideração a vertente ambiental da oficina, a formadora Branca Caseiro deu a oportunidade a doze participantes de redecorar um candeeiro solar, através da reutilização de diversos materiais como garrafas de água, jornais, listas telefónicas, conchas, areia, casca de pinheiro, rolhas de cortiça, cordão e palhinhas. 

Os participantes transformaram um candeeiro comum numa peça personalizada e única, com uma componente ambiental muito apelativa. No final da acção foi distribuído um inquérito de avaliação da iniciativa onde se concluiu que 100% dos participantes ficaram muito satisfeitos com a Oficina. 

Esta iniciativa marcou o início de um ciclo de Oficinas Use e Re-Use, a desenvolver no Centro de Educação Ambiental, com o objectivo de sensibilizar a população em geral para o reaproveitamento de resíduos e desta forma promover a utilização mais sustentável dos recursos naturais. 

Para mais informações sobre os workshops que se realização no futuro não deixe de consultar o site da Esposende Ambiente, em www.esposendeambiente.pt.

Nos primeiros meses de funcionamento, o Centro de Educação Ambiental registou elevada procura, quer por parte da comunidade educativa, quer do público em geral.

 
 
Desde o passado dia 19 de Agosto, data da inauguração, este equipamento municipal, localizado em Marinhas, foi visitado por mais de 3000 pessoas, entre crianças de escolas e instituições e pessoas singulares. O mês de Novembro foi o que registou maior número de visitas, sobretudo de estabelecimentos de ensino e instituições. 

No início do mês de Outubro, o Centro de Educação Ambiental apresentou o Plano de Actividades 2011/2012 que colheu, desde logo, a melhor receptividade por parte dos diferentes públicos-alvo. “À descoberta do Centro de Educação Ambiental”, “Semana da Floresta Autóctone”, “O meu Natal é ecológico”, “Oficinas de Natal” e o Programa “Horticultura Terapêutica” foram as actividades propostas, que mobilizaram perto de 1500 pessoas. 

Paralelamente, o Centro de Educação Ambiental foi recebendo diversos pedidos de outro tipo de grupos, desde empresas, autarquias e associações, quer para visitas ao equipamento, quer para a utilização do auditório, para a realização de actividades ou reuniões. 

Este equipamento apresenta-se como um pólo dinamizador na área do ambiente, onde são potenciadas e trabalhadas novas metodologias de educação, sensibilização e formação ambiental. As várias áreas e os modernos equipamentos que compõem o Centro de Educação Ambiental, são um convite à descoberta e à aprendizagem. 

Para além da exposição interactiva permanente, onde são abordadas várias áreas temáticas com diversificados e abrangentes conteúdos, como os resíduos, o clima, a água e a biodiversidade, o Centro de Educação Ambiental integra outras valências, nomeadamente, biblioteca, ecoteca, oficinas de trabalho, hortas pedagógicas, trilho temático, Horto Municipal e um moderno auditório. 

O Centro de Educação Ambiental funciona, no período de Inverno, de segunda a sexta-feira, das 9h30 às 17h30, e ao sábado, entre as 14h00 e as 17h30. 

O Plano de Actividades para os próximos meses está disponível em www.esposendeambiente.pt.

Com o início de um novo ano, o Centro de Educação Ambiental prepara-se para desenvolver um conjunto de iniciativas dirigidas a diferentes públicos, numa estratégia de sensibilização, formação e educação para a sustentabilidade.

 
 
Assim, ainda até ao dia 7 de Janeiro, continua patente a exposição “O meu Natal é Ecológico”, com trabalhos natalícios realizados pelos estabelecimentos de educação e ensino e pelas instituições de solidariedade social concelhias, no âmbito da iniciativa “O meu Natal é Ecológico”. São quase uma centena de trabalhos que evidenciam as potencialidades da utilização de resíduos e materiais naturais nas actividades de expressão plástica, que podem ser apreciados de segunda a sexta-feira, das 9h30 às 17h30. 

Para os alunos do 1.º Ciclo do Ensino Básico, o Gabinete Técnico Florestal realiza, às quartas-feiras, das 10h00 às 11h30, a “Oficina de Brinquedos Florestais”, que se traduz na construção de brinquedos “especiais”, tendo por base a utilização de materiais provenientes da floresta e da natureza. 

“Gestão Sustentada de Resíduos” é o tema do workshop que decorrerá, no Auditório do Centro de Educação Ambiental, no dia 25 de Janeiro, às 18h30, dirigido aos comerciantes da cidade de Esposende. Esta iniciativa pretende sensibilizar para as questões relacionadas com a gestão dos resíduos e pretende dar resposta a algumas das preocupações deste sector económico. 

No dia 28 de Janeiro, o Centro de Educação Ambiental vai levar a efeito, para a população em geral, a “Oficina “Use e re-Use” – a reutilização de materiais na decoração”, com o intuito de dar a conhecer métodos e formas criativas de reaproveitamento de materiais e de resíduos na área da decoração de interiores, adaptando-os a novas funcionalidades. 

Inaugurado no Dia do Município, a 19 de Agosto, o Centro de Educação Ambiental apresenta-se como um pólo dinamizador na área do ambiente. Este equipamento disponibiliza uma exposição de carácter permanente, e integra também outros espaços com diversas valências, que se complementam e que o tornam bastante atractivo e singular, de que são exemplo a biblioteca, a ecoteca, oficinas de trabalho, hortas pedagógicas, o trilho temático, o Horto Municipal e um moderno auditório. 

O horário de funcionamento do Centro de Educação Ambiental é, no período de Inverno, de segunda a sexta-feira, das 9h30 às 12h30 e das 14h00 às 17h30, e ao sábado, das 14h00 às 17h30.

No âmbito da iniciativa “Dia a Dia, Pense Verde todo o Ano”, o Centro de Educação Ambiental vai assinalar o Dia Mundial de Ambiente, que se comemora amanhã, 5 de Junho, através de um conjunto de iniciativas direccionadas para a comunidade educativa e para a população em geral.

 
 
Assim, no Centro de Educação Ambiental, decorrerá, ao longo do dia, a iniciativa “Sorrisos pelo Ambiente”. Como forma de assinalar a importância dos pequenos gestos na prossecução de objectivos de sustentabilidade, todos os interessados são convidados a deixar uma mensagem e o seu “sorriso” num painel disponível no espaço exterior do Centro. 

Paralelamente, o Agrupamento de Escolas de Marinhas levará a efeito um original desfile de chapéus temáticos, que percorrerá as ruas de Esposende, a partir das 10h00. Esta iniciativa, que conta com a participação dos alunos, resulta do projecto anual de leitura em família, que visou a exploração em contexto familiar de um conjunto de obras previamente seleccionadas, ligadas à temática da árvore, e que culminou com a elaboração e decoração de um chapéu com motivos alusivos ao tema e ao livro. 

Direccionado para a comunidade educativa, será exibido, às 15h00, no auditório do Centro de Educação Ambiental, um filme animado sobre as profundezas da Antártida e a população dos pinguins Imperador. À mesma hora e também no Centro de Educação Ambiental, será inaugurada uma exposição de Mandalas, que decorre do trabalho desenvolvido pelos alunos do Curso de Técnico de Apoio à Infância da Escola Profissional de Esposende, no âmbito da disciplina de Expressão Plástica. Esta mostra estará patente até ao final do mês de Junho. 

Ainda no Auditório do Centro de Educação Ambiental, a partir das 21h30, é exibido um filme que pretende desafiar para a importância de compreender o que nos rodeia, sensibilizando para a necessidade de agir em prol do planeta.
Plano de contingência COVID-19
   
Atendimento
   
A sua opinião é importante
imagemPortlet copy.png
   
CEA  em Blog
imagemPortlet
Desafios
dia a dia
Desafio dia a dia
   
Leituras
Leituras
   
Qualidade da água
   
Praias
   
Faturação
Eletrónica
   
QUIZ da Água  
   
SUMAKids
   
E-MOVE
   
Empreitadas
   
E|Ribeiras
   
Resp.
Social
Empresarial